terça-feira, 7 de abril de 2015

NO chapinha YES ondinhas !

Há uns meses deixei de fazer o uso contínuo da chapinha, nesse post irei falar um pouco sobre essa experiência que super deu certo comigo, as vantagens são tantas que tentei fazer um resumo, limitando à apenas as principais vantagens do abandono do uso excessivo da chapinha, não deixei de usar totalmente (que fique claro rs), apenas deixei de usar constantemente, para saber mais continue comigo, Vamos conferir: 



1.   .   LIBERDADE PRA DENTRO DA CABEÇAAA (8) 

Nada mais libertador que você assumir a cabeleira, deixar os cabelos ao vento, sem se preocupar com os fios alinhados e ficar naquela neura –‘’ Não chove, não chove, não chove’’ porque se chover minha amiga... Já era, e se seu cabelo for como o meu (desobediente) que chapinha nenhuma segura por muito tempo, torna-se um vício ficar puxando os fios com a prancha.




Fora que você se difere da maioria que faz uso de escovas progressivas hoje em dia, que dá aquele aspecto artificial por ficar super liso (nada contra, cada um faz o que bem entender com sua vida e seu cabelo) Dando uma identidade super legal à você. Também ganha-se tempo, podendo fazer outras coisas (como; ler o @MillyUmaUtilidades kk) ao invés de passar horas no espelho passando a prancha nos cabelos, as vezes nem é preciso pois seu cabelo já está liso, mas como torna-se uma obsessão, mesmo se você for na padaria, vai querer ‘’passar a chapinha’’ haha.


                        2. ADEUS POROSIDADE E PONTAS DUPLAS!

Claro, se você cuidar bastante do seu cabelo fazendo tratamento diariamente. Muitas amigas chegam pra mim e falam que não conseguem manter o hábito de cuidar dos cabelos em casa constantemente. É como eu sempre digo: tudo é questão de querer e poder, e claro, de costume! Quando eu comecei a pintar meu cabelo ainda aos 13 anos de idade, comecei a pesquisar tudo sobre cuidados, desde então fui criando o hábito de não passar apenas xampu e condicionador, mas sempre procurar hidratar, nutrir e restaurar os fios (mas isso ficará pra outro post haha).


Sem dúvida a chapinha e o secador usados constantemente, mesmo com o uso dos melhores produtos para proteger, com o tempo e o uso exagerado, vão tirando todos os nutrientes necessários pra deixar o cabelo com um bom aspecto, causando frizz e até mesmo queimaduras no couro cabeludo. Estou há quatro meses sem usar constantemente a chapinha, antes disso se eu lavasse o cabelo, era um ritual secar e fazer chapinha, as pontas duplas só aumentavam e por mais que eu fizesse mil cronogramas capilares, continuava cheio de pontas duplas, triplas e até quádruplas (SIM é verdade U_U) Admito que não deixei de usar constantemente o secador rs, mas estou me ‘’reabilitando’’ ao uso demasiado dessa ferramenta.



3.      VÁRIAS POSSIBILIDADES

Se seu cabelo é como o meu (sem forma definida) super cheio e indeciso (não decide se é ondulado ou liso) existem várias técnicas pra você dar uma ondulada sem usar calor, vai desde dormir com bobes na cabeça até enrolar os cabelos numa meia-calça velha (aquela que você usou apenas uma vez) A internet está cheia de técnicas alternativas sem uso de calor, aí vai algumas técnicas de vovó que uso sempre:

·     Dormir de coque: essa é super simples e toda noite antes de dormir eu faço. Penteie os cabelos normalmente e passe um leave-in e amarre com um pom-pom (na minha terra é assim que se chama) ou ‘’ liga’’ mas que seja um coque frouxo ta gente, de manhã solte os cabelos e arrase haha.

·    Meia-calça da vovó: amarre a meia calça na cabeça (na horizontal como se estivesse colocando uma coroa) deixe os cabelos soltos e separe por mexas, vá enrolando as mexas por dentro da meia (qualquer dúvida basta digitar no Youtube : enrolar cabelo com meia).
·         Maria Chiquinha: divida o cabelo em duas partes, amarre cada parte com uma liga, pegue duas bandanas (aquelas fofinhas que tem várias funções rs) ou qualquer lenço, amarre o lenço perto da liguinha que prende o cabelo, vá torcendo o cabelo no lenço dando voltinhas e amarre as pontas com outra liga. 



uma foto antiguinha


É só isso pessoal. Lembre-se, faça o que você quiser e o que te deixa feliz, ter cabelo liso, enrolado ou esse que não ''deve ser nomeado'' como o meu haha, tanto faz, o importante é ter a liberdade pra escolher o que é melhor pra você! Mulher bonita é mulher bem consigo mesma.

Abraços.
         
Desenvolvido por: Gabriela Charbe | Todos os direitos reservados.