quinta-feira, 14 de maio de 2015

Mudanças Capilares, Dramas e Alegrias


Olá meu povo, hoje irei contar pra vocês a história do meu cabelo, dramas, chiliques, corte químico e alegrias que já vivenciei. Eu pinto meu cabelo desde os 14 anos, ele é castanho natural e na adolescência eu pintava de preto azulado (aloka) e fazia mechas vermelhas, infelizmente não me restou nenhuma foto dessa época, então irei contar minha trajetória de 2010 até aqui. 

Em 2010 eu resolvi usar henê, aquela que alisa e escurece, era ótima por uma parte, mas por outra, eu não podia passar quase nenhuma outra química, pois a henê contém muito chumbo e quebra as fibras capilares em contato com amônia. Então passei a cortar o cabelo e usar xampu anti-resíduo. Pois bem, eu achando que a henê já tinha saído por inteiro, resolvi fazer luzes no salão pra clarear o cabelo e mudar a cor. Meu cabelo quebrou todo e ficou azul, mas eu não desisti e continuei fazendo luzes. 

Foi então que em 2012 eu fiquei chateada por nenhum salão acertar meu cabelo, e eu mesma vendo tutoriais e pesquisando resolvi tingir sozinha em casa. Comprei um pó descolorante da Amend e ox 30vol. junto com o desamarelador da Alta Moda e me joguei de vez no loiro *uó*. Não incentivo ninguém a fazer essa loucura, a não ser que esteja segura do que está fazendo, afinal meu cabelo danificou bastante e eu tive que passar meses recuperando com cronograma capilar *polêmica* (o que explicarei mais detalhadamente em outro post).

Logo depois desses dramas de descoloração e processos de manter o loiro decidi que queria uma cor bem diferente, na verdade, quando fui no salão fazer luzes, disse pra cabeleireira que queria ser ruiva e ela me convenceu que seria melhor o loiro....Então fui numa loja de produtos alternativos na minha cidade e vi o tonalizante Laranja Fogo da Exotic Colors e foi amor <3 a partir daí meu cabelo começou a melhorar pois como eu passei a descolorir só a raiz, o comprimento foi sendo recuperado pelo processo de reconstrução, nutrição e hidratação que eu fazia (e faço) constantemente. 

Depois de um bom tempo com o cabelo cor laranja fantasia me deu a doida e pintei de castanho natural e em menos de 1 mês eu voltei a ser ruiva. -''Mas Emilly, como você conseguiu tirar o castanho?'' simples, com um processo chamado soap cap, que consistem em misturar xampu com pó descolorante e oxigenada. E mais uma vez eu repito, não recomendo fazer isso se seu cabelo já passou por diversas descolorações, e pela segunda vez eu consegui estragar meu cabelo. O soap cap foi eficiente sim, porém deixou muitas pontas duplas, e como eu fazia uso contínuo da chapinha, a situação só piorava, nesse post eu explico como consegui me livrar das pontas duplas além de ser pelo método da tesoura rs NO chapinha, YES ondinhas!

A partir do momento que voltei ao ruivo (só que dessa vez um ruivo mais acobreado e não fantasia como era antes) Nunca mais quis outra cor. Sinto-me eu mesma com os cabelos avermelhados <3 Segue abaixo algumas fotos do meu cabelo atualmente e de como ele era a um tempo atrás: 

Foto1: com henna Foto2:loiríssima depois das mechas Foto 3/4: Larajanja fogo exotic Foto 5: mistura de tonalizantes Foto 6: Vermelho Ariel com anilina Foto 7: Castanho bad Foto 8: tentativa de acobreado Foto 9: Acobreado que eu queria <3 




Foto mais recente

Desenvolvido por: Gabriela Charbe | Todos os direitos reservados.